Balança Comercial registra superávit de US$ 61 bilhões em 2021

Postado por
Transporte de containers

A balança comercial brasileira fechou o ano de 2021 com superávit de US$ 61 bilhões. O valor representa um crescimento de 21,1% em relação ao ano de 2020 e superou o recorde de US$ 56 bilhões de 2017. O saldo é positivo quando o país exporta mais que importa. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (03/01) pelo Ministério da Economia.

“Obtivemos um saldo recorde de US$ 61 bilhões. Também tivemos valor recorde de exportação da série histórica em 2021”, destacou o secretário de comércio exterior do Ministério da Economia, Lucas Ferraz.

O saldo positivo da balança comercial brasileira em 2021 é resultado de US$ 280,4 bilhões em exportações e US$ 219,4 bilhões em importações. A exportação em 2021 cresceu 34% na comparação com 2020, enquanto a importação cresceu 38,2%.

A corrente de comércio foi de US$ 499,8 bilhões, o que representa um crescimento de 35,8% em relação a 2020. “Esse é o indicador mais importante de inserção internacional e de aumento da nossa produtividade”, disse o secretário Lucas Ferraz.

Exportações

Em 2021, as exportações cresceram em preços (28,3%) e quantidades exportadas (3,5%) na comparação com o ano anterior. Foi registrado o aumento das exportações brasileiras principalmente para os Estados Unidos (44,9%), Mercosul (37%), Associação das Nações do Sudeste Asiático – Asean (36,8%), União Europeia (32,1%) e China (28%).

“O crescimento das exportações foi bastante diversificado. Chamo atenção aqui à nossa recuperação dos fluxos de comércio com economias importantes como os Estados Unidos e a União Europeia”, observou Lucas Ferraz.

Em relação aos produtos, houve aumento de 26,3% na exportação de bens da indústria de transformação como o aço semiacabado (101,3%), óleos combustíveis (43,7%), ferro gusa (36%), máquinas e equipamentos para engenharia e construção (63,7%) e automóveis de passageiros (20,8%).

Foi registrado o crescimento de 62,4% das vendas de produtos da indústria extrativa, incluindo o minério de ferro (72,9%) e petróleo (54,3%). E crescimento de 22,2% da exportação de produtos agropecuários, principalmente soja, com 35,3% de aumento.

Importações

Nas importações, foi registrado crescimento de preços (14,2%) e quantidades importadas (21,8%) em 2021. Aumentaram as importações vindas principalmente do Mercosul (44,7%), Estados Unidos (41,3%), China (36,7%), Associação das Nações do Sudeste Asiático – Asean (31,1%) e União Europeia (26,2%).

Foi registrado aumento da demanda por insumos e produtos intermediários de 45,7%. Entre eles, insumos agrícolas, eletroeletrônicos e petroquímicos. Houve crescimento de 87,1% na importação de combustíveis e de 89% de energia elétrica. Além de 77,1% na importação de medicamentos, especificamente vacinas.

Perspectivas para 2022

A previsão inicial para 2022 é que as exportações alcancem o valor total de US$ 284,3 bilhões e as importações cheguem a US$ 204,9 bilhões, fechando o ano com um superávit de US$ 79,4 bilhões. O secretário de comércio exterior do Ministério da Economia, Lucas Ferraz, informou que a cada trimestre é feita a atualização das projeções.

“Estamos trabalhando com aumento das nossas exportações, em relação ao valor recorde desse ano, de 1,4%, portanto, algo da ordem de US$ 284 bilhões. Importações um pouco mais fracas em relação a esse ano, reflexo, naturalmente, de uma economia que vai aos poucos voltando às taxas de crescimento pré-pandemia”, detalhou o Lucas Ferraz.

Comércio em dezembro

O Ministério da Economia também divulgou os resultados da balança comercial brasileira de dezembro de 2021. O superávit registrado foi de US$ 3,9 bilhões, resultado de US$ 24,3 bilhões em exportações e US$ 20,4 bilhões em importações. A corrente de comércio foi de US$ 44,8 bilhões.

Nas exportações, comparadas as médias de dezembro de 2021 com dezembro de 2020, houve crescimento de 26,3%. Em relação às importações, houve crescimento de 24%.


A Choice Logistics cria soluções baseado na necessidade do cliente e oferece transporte rodoviário nacional para Container e Cargas Soltas nos principais Portos, Aeroportos e Eadi´s dos Estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo. Atuamos com Cargas nacionalizadas de importação, cargas de exportação, cargas projeto e em regime de trânsito aduaneiro (DTA), sempre desenhando nossa operação logística para atender os prazos e exigências operacionais de nossos clientes.

A Choice Logistics é a sua parceira em operações aduaneiras

Assuntos relacionados:
movimentação de container, carga fracionada, transporte de container em curitiba, transporte de container em paranagua, Carga aerea, Carga portuária, logistica de conteiner, estufagem de conteiner, consolidação de conteiner, transporte de cntr

Tags:
#cargaportuária #logisticadeconteiner #estufagemdeconteiner #transportedeconteiner #transportedecntr

Carregando…
Português »