Como ‘Lockdowns’ na China podem afetar o transporte marítimo em todo o mundo?

Postado por
Transporte de containers

O impacto dos “lockdowns” na China, por enquanto, tem sido observado principalmente na logística terrestre interna do país, no modal rodoviário. Porém, o transporte marítimo já começa a sentir efeitos, que poderão perdurar mesmo após o fim das restrições, segundo informou o Centronave (Centro Nacional de Navegação Transatlântica), entidade que reúne os principais grupos de navegação.

Diante desse novo recorde de infecções, as autoridades de Xangai – onde se localizam os mais importantes terminais de contêineres do mundo – adotaram uma série de medidas rigorosas para controlar o contágio, causando interrupções significativas nas atividades locais de fabricação e transporte, o que inevitavelmente adiciona uma pressão extra no sistema logístico terrestre interno do país.

Segundo avaliações divulgadas recentemente, cerca de 200 milhões de pessoas e mais de 20 cidades chinesas estariam sob lockdown total ou parcial, com suas entradas e saídas rodoviárias bloqueadas total ou parcialmente.

“Com isso, o transporte terrestre interno do país foi bastante afetado, e a cadeia interna de suprimentos está sob grande pressão”, afirmou, em nota, o diretor-executivo da associação, Claudio Loureiro de Souza.

Outro fator que tem gerado gargalos é a “rigorosa testagem realizada na população e nos trabalhadores, incluindo os motoristas de caminhão”, o que contribui para o acúmulo de mercadorias nos armazéns e instalações portuárias.

“Esses são os principais fatores que estão resultando em um gargalo logístico interno e começando a gerar atrasos no transporte marítimo, devido ao acúmulo de bens e mercadorias parados.”
Para as empresas, ainda é cedo para prever quando a situação vai se normalizar.

“Há diversos fatores a serem considerados, principalmente a duração desse surto da variante ômicron e das medidas governamentais que serão tomadas”, diz o Centronave.

A entidade também ressalta a preocupação com o acúmulo de contêineres e o congestionamento de mercadorias nos centros de armazenagem, o que poderá provocar impactos de mais longo prazo, mesmo após o fim das restrições.

As cadeias globais

A crise se dá em um momento no qual as cadeias globais de suprimento já estavam pressionadas. Desde 2020, a logística global tem sofrido com os efeitos da pandemia, que provocaram falta de contêineres e de capacidade nas embarcações, atrasos nas escalas dos navios, congestionamentos nos portos e aumento do preço nos fretes marítimos. Mesmo antes dos “lockdowns” chineses, já não havia expectativa de normalização dos fluxos neste ano.

Fonte: Valor


A Choice Logistics cria soluções baseado na necessidade do cliente e oferece transporte rodoviário nacional para Container e Cargas Soltas nos principais Portos, Aeroportos e Eadi´s dos Estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo. Atuamos com Cargas nacionalizadas de importação, cargas de exportação, cargas projeto e em regime de trânsito aduaneiro (DTA), sempre desenhando nossa operação logística para atender os prazos e exigências operacionais de nossos clientes.

A Choice Logistics é a sua parceira em operações aduaneiras

 

Assuntos relacionados:
movimentação de container, carga fracionada, transporte de container em curitiba, transporte de container em paranagua, Carga aerea, Carga portuária, logistica de conteiner, estufagem de conteiner, consolidação de conteiner, transporte de cntr

Carregando…
Português »