Especialista analisa efeitos da pandemia no transporte marítimo internacional

Postado por
Transporte de containers

Florianópolis (SC) – O ano de 2021 começou com muitos desafios: falta de espaço, de equipamentos e alta nos valores do frete internacional oriundo da Ásia, chegando a custar US$ 10 mil o container.

Para importações vindas do oriente, nos últimos meses, a tarifa dos fretes apresentou baixa nos valores. Porém, novos fatores prometem afetar ainda mais esse cenário.

Essas consequências já podem ser identificadas em algumas situações. Exemplo disso, é um novo aumento nas tarifas e a falta de equipamentos e aumento das tarifas, quando a origem é a Europa.

Evandro Ardigó, especialista em logística internacional, com mais de 20 anos de vivência neste segmento, conversou com a equipe da Interseas e a partir das suas experiências, trouxe um panorama do mercado internacional atual.

Confira a entrevista:

Interseas: Qual a principal consequência da pandemia na demanda por transporte internacional marítimo, até este momento?

Evandro Ardigó: A principal consequência foi o aumento do valor em até 400% devido a demanda reprimida.

Interseas: Podemos esperar redução na tarifa de frete na importação?

Evandro Ardigó: A tendência era de queda na tarifa de importação da Ásia, pois já vinha caindo desde a segunda quinzena de janeiro deste ano. No entanto, essa queda foi interrompida e as tarifas voltaram a subir devido à crise gerada pelo acontecido no canal de Suez.

Interseas: Na exportação também podemos identificar a falta de equipamentos e tarifas elevadas. Você pode explicar as causas dessa situação?

Evandro Ardigó: Devido ao lockdown do ano passado, houve uma quebra na cadeia de suprimentos. A depreciação do real frente ao dólar tornou o produto fabricado no Brasil muito competitivo e aumentou o volume de exportação. Muitos exportadores estão preferindo exportar, ao invés de investir mais no mercado interno.

Interseas: De que forma o ocorrido no canal de Suez, que responde pelo tráfego de 10% do comércio marítimo e faz rota com a Europa e costa leste americana, além da Ásia, nos afeta aqui no Brasil?

Evandro Ardigó: Falando em Ásia, afeta porque haverá uma quebra no estoque de contêineres vazios. Os navios que vinham da Europa e estão atrasados, não irão descarregar os containers na Ásia conforme programado e, consequentemente, faltará contêineres. Estaremos competindo pelos mesmos contêineres vazios com o resto do mundo.

Interseas: E agora, diante de todo o cenário que estamos vivenciando, o que podemos esperar do mercado?

Evandro Ardigó: Há um desabastecimento mundial na cadeia de suprimentos. A maioria das empresas do mundo todo ficaram com estoque baixo, no fim do primeiro semestre do ano passado.

A situação não estava normalizada e não tínhamos uma visão de quando estaria. Agora, com a crise de Suez, podemos esperar que o mercado fique mais instável ainda. A sugestão que fica é não contar com uma baixa do valor do frete para níveis históricos, porque é improvável que isto aconteça a curto prazo e dentro do possível

Evandro Ardigó, especialista em logística internacional

Fonte: Comex


 

 

A Choice Logistics cria soluções baseado na necessidade do cliente e oferece transporte rodoviário nacional para Container e Cargas Soltas nos principais Portos, Aeroportos e Eadi´s dos Estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo. Atuamos com Cargas nacionalizadas de importação, cargas de exportação, cargas projeto e em regime de trânsito aduaneiro (DTA), sempre desenhando nossa operação logística para atender os prazos e exigências operacionais de nossos clientes.

A Choice Logistics é a sua parceira em operações aduaneiras

 

 

 

 

 

Tags:
movimentação de container, carga fracionada, transporte de container em curitiba, transporte de container em paranagua, Carga aerea, Carga portuária, logistica de conteiner, estufagem de conteiner, consolidação de conteiner, transporte de cntr

#cargaportuária #logisticadeconteiner #estufagemdeconteiner #transportedeconteiner #transportedecntr

 

Falta de containers e aumento do frete marítimo: O que está acontecendo?

 

Os tipos de containers para transporte de cargas

Carregando…
Português »